Título Provisório

Já não deveria mais ser novidade para nenhum setor de RH que a maneira como este trabalha e entrega valor ao seu negócio vem mudando rapidamente.

Assim como nos outros departamentos, as mídias e ferramentas digitais trazem escalabilidade, automatização e eficiência aos processos mais importantes e estratégicos do negócio, além de, claro, facilitar e muito o contato com esse público que cresceu online.

Será que seu RH está preparado para os desafios dessa nova geração? Você já descobriu algumas das táticas mais relevantes pra atrair talentos nesse novo cenário cada vez mais competitivo?

Neste artigo, vamos te dar 5 das nossas melhores dicas sobre como você pode divulgar suas oportunidades, atrair os melhores jovens talentos das melhores fontes e, ainda, fazer isso de forma mais eficiente e ágil. Vamos lá?

1. Se importe com seu branding nas redes sociais

Antes de tudo, até mesmo de iniciar um novo processo seletivo, confira como está a imagem que sua empresa passa através de suas redes sociais e sua presença online.

Cada vez mais os jovens talentos que você procura estão ligados no posicionamento que as empresas têm antes de considerar se aplicar a uma vaga. Portanto, alinhe com seu Marketing sobre a utilização das redes para divulgar não só as vagas mas, também, as ideias que sua empresa acredita.

2. Descubra as melhores universidades em cada segmento e estabeleça uma relação de parceria com elas

Agora, com foco na vaga em que você está trabalhando, descubra quais são os melhores cursos e melhores instituições em que você pode encontrar e atrair talentos.

Com uma listinha na mão, é hora de construir relacionamento. Lembre-se: você depende da boa relação com pessoas que trabalham ali para ter acesso, não apenas à base de e-mails dos alunos mas, também, à palestras e feiras de recrutamento.

3. Preocupe-se com a relação que você cria com os candidatos

De nada adianta ter uma presença online maravilhosa e acesso aos canais de aquisição de candidatos se, na hora em que você de fato conduz um processo seletivo, queima o filme com seus potenciais contratados. Algumas pesquisas mostram que 80% dos candidatos espalham para seus familiares e amigos as experiências ruins que tiveram nos processos passados.

Elabore um processo seletivo em que você consiga se relacionar de forma positiva com seus candidatos. Viver uma experiência positiva com a empresa impacta até mesmo aqueles que não serão aprovados — e eles dificilmente sairão falando mal da sua empresa.

4. Automatize o que fizer sentido para facilitar seu trabalho na hora de atrair os talentos

Existem inúmeras ferramentas para te auxiliar no recrutamento e seleção no mercado. A partir da utilização de uma, seu trabalho e seus processos ficarão, no mínimo, mais eficientes.

Hoje, ferramentas se fazem fundamentais pois integram a divulgação das vagas, tornando essa tarefa mais autônoma para você e, também o processo em si, facilitando a forma como você gerencia e se relaciona com os candidatos.

5. Colha e analise os dados gerados

Automatize seus processos e você verá que a maioria dos sistemas de gestão para processos seletivos vem com uma gama de relatórios que podem ser utilizados para fundamentar melhorias e inovações no seu processo.

Com essa facilidade, analise os dados gerados ao longo de todo seu trabalho e identifique os gaps e falhas que você pode ainda estar ignorando e que esteja te impedindo de atrair talentos.

 

E aí, gostou desse artigo? Nos siga nas nossas redes sociais —  Facebook LinkedIn — além de assinar nossa newsletter para ter nossos conteúdos direto no seu email!

Imagem da Gupy com a frase 'A plataforma completa de Inteligência Artificial para seu RH: estruturar o processo de recrutamento, engajar gestores e candidatos e acertar nas contratações.' com botão de 'Saiba mais'
Ebook: Como escolher as melhores perguntas para entrevistas de Candidatos
Painel de Indicadores de Recrutamento e Seleção Planilha Custo do Recrutamento e Seleção
Bruna Guimarães | GUPY

Bruna Guimarães | GUPY

Formada em Administração de Empresas pela UFRRJ e com MBA executivo pela Coppead UFRJ, é COO & Co-founder da GUPY. Bruna é especialista em recrutamento e seleção e entende com profundidade as dores dessa área. Construiu sua carreira em uma grande multinacional onde era responsável pelo recrutamento de toda a organização através da sua paixão por RH, pessoas e foco em resultado.