Contratação internacional de talentos: o que você precisa saber


4 minutos de leitura

Incorporar colaboradores estrangeiros à equipe da sua empresa pode ser uma experiência enriquecedora por diversos motivos. Com conhecimento sobre o mercado internacional, o profissional contribui no aumento da diversidade cultural e na inovação em soluções de problemas.

A contratação internacional de talentos, porém, não é um processo simples. Fatores como documentação, visto, custos de deslocamento e conhecimento da legislação devem ser tratados com atenção e responsabilidade.

Quer saber como atrair talentos de outros países para a sua organização? Confira as dicas a seguir para conhecer os aspectos fundamentais desse processo:

  • o que é preciso para fazer a contratação internacional de talentos;
  • os benefícios de contratar talentos internacionais;
  • as leis trabalhistas que envolvem expatriados;
  • como usar a tecnologia a seu favor.

Descubra o que é preciso para fazer a contratação internacional de talentos

Existem diversos fatores a serem considerados na hora de fazer uma contratação internacional de talentos. É preciso ter atenção a todos os detalhes quanto a vistos, à documentação e legislação.

A empresa interessada em contratar funcionários estrangeiros, seja de forma provisória, seja permanente, deve solicitar uma autorização de trabalho para a Coordenação-Geral de Imigração. Esse órgão do Ministério do Trabalho e Emprego é responsável por analisar o pedido em até 45 dias.

O estrangeiro terá, então, um prazo de 90 dias desde o seu ingresso no país para comprovar sua inscrição no PIS/PASEP e CPF/MF com a Coordenação-Geração. Esse processo deve ser realizado o quanto antes, a fim de evitar transtornos.

É necessário, também, o preencher o Formulário de Requerimento de Autorização de Trabalho, assinado e encaminhado por um representante legal, junto com vários outros documentos. O ideal é contar com uma empresa especializada em contratações internacionais ou ter um departamento dedicado para esse fim.

Além de todas essas questões burocráticas, é preciso estar ciente dos custos e do tempo envolvidos com o deslocamento desde o início do processo de contratação até a chegada do funcionário. Outro fator que merece atenção é a adaptação do estrangeiro à sua nova realidade. Diferenças culturais devem ser reconhecidas e respeitadas.

Conheça os benefícios de contratar talentos internacionais

Um dos principais benefícios na contratação de trabalhadores estrangeiros é o enriquecimento cultural. A diversidade no corpo de funcionários pode ser positiva, se a empresa estiver preparada para receber o imigrante.

A presença de um estrangeiro na equipe estimula a criação de respeito, o que pode minimizar as chances de conflitos causados por qualquer tipo de discriminação. Além disso, ter uma pessoa com experiências diferentes é muito enriquecedor para o desenvolvimento de ideias e solução de problemas.

Outro ponto positivo é a possibilidade de contatos com empresas e demais colaboradores de outros países. O novo funcionário tem a chance de ser uma ponte entre a sua organização e diversas oportunidades no mercado internacional. A contratação de imigrantes também é capaz de melhorar a imagem do negócio no cenário global.

Para garantir a melhor acomodação do empregado, é primordial que a empresa conheça os aspectos principais da sua cultura de origem. O cuidado com a adaptação, sem constranger ou impor a cultura local, é sinal de respeito.

Entenda melhor as leis trabalhistas que envolvem expatriados

Uma dúvida comum que surge entre empregados em situação de expatriação é sobre qual legislação eles estarão sujeitos: a do país de origem ou de destino? A resposta dependerá do tipo de transferência em questão, ou seja, se foi realizada de forma definitiva ou provisória.

Transferência provisória

Se a expatriação tiver tempo predefinido, o funcionário permanece juridicamente vinculado à empresa que o contratou para desempenhar serviços no exterior. Nessa situação, ele está sujeito à legislação do país em que seu contrato de trabalho foi efetuado.

A jurisdição brasileira entende, portanto, que o expatriado deve ficar sob legislação empregatícia da sua nação de origem. Como a prestação de serviços fora do país será feita por tempo determinado, a aplicação de lei estrangeira para os serviços prestados não é justificável.

O mesmo se aplica para brasileiros transferidos para o exterior: a legislação trabalhista brasileira é a que prevalecerá durante sua estadia em território internacional.

Transferência definitiva

Quando se trata de uma transferência definitiva, existem divergências caso a mudança ocorra entre empresas de um mesmo grupo. Alguns juízes especializados no assunto alegam que os expatriados devem estar sujeitos à legislação do local de exercício de trabalho.

Em contrapartida, o Tribunal Superior do Trabalho argumenta, de acordo com a Lei n° 7.064/82, que a lei trabalhista brasileira deve ser aplicada aos expatriados, respeitando a estrangeira em aspectos em que ela seja mais favorável.

Use a tecnologia a seu favor

Uma das peculiaridades da contratação internacional de talentos é o processo de recrutamento, que normalmente precisa ser feito de modo online. Diante do cenário atual de pandemia da Covid-19, as entrevistas remotas têm se tornado uma realidade comum no mercado.

A transformação digital para o RH já vem acontecendo de diversas formas, como a triagem de currículos auxiliada por Inteligência Artificial (IA). Isso elimina uma etapa que consome bastante tempo dos recrutadores.

A IA é capaz de ranquear os candidatos por grau de afinidade com a vaga, tomando por base o currículo, os critérios de seleção e a descrição do cargo em si. Com o tempo economizado na triagem de currículos, os recrutadores podem focar em outras atividades, como entrevistas e análise de testes.

Se a sua companhia costuma receber um grande volume de aplicações ou deseja ampliar a contratação de funcionários estrangeiros, considere o uso da Inteligência Artificial. A Gupy, por exemplo, conta com essa tecnologia para melhorar a eficiência do processo de seleção.

A Embraer foi uma das empresas que se uniu à Gupy para construir um processo de recrutamento com auxílio da IA., resultando em redução de esforços operacionais e agilização de processos. Os resultados foram os seguintes:

·    aumento de 50% no aproveitamento dos candidatos na triagem;

·    aprovação de 70% dos candidatos selecionados pela IA da Gupy.

A contratação internacional de talentos exige um investimento inicial tanto financeiro quanto de tempo para o desenvolvimento de uma estratégia adequada. Mesmo com as dificuldades encontradas em relação aos vistos e à legislação, os benefícios são indiscutíveis. Esse pode ser o fator diferencial para alavancar o crescimento da sua empresa.

Então, gostou do nosso conteúdo? Cadastre-se na nossa newsletter e receba muitas outras dicas e informações em primeira mão!

Banner Inteligência Artificial da Gupy
Vamos juntos tranformar o RH da sua empresa?

Contrate a pessoa certa, sempre.

Os seus critérios de seleção, aplicados de maneira inteligente e rápida com a Gupy - o software de Recrutamento e Seleção favorito das grandes empresas do Brasil.

Solicitar demonstração →