Como fazer um relatório de treinamento?

O relatório de treinamento é um documento essencial para visualizar, mensurar e analisar os resultados de capacitação de colaboradores. Extraia dados decisivos para otimizar seus treinamentos!


4 minutos de leitura
O relatório de treinamento é uma parte essencial da coleta de dados de uma organização após capacitar seus colaboradores. Mas primeiramente, o que é este relatório? 
Ele nada mais é do que um conjunto de indicadores de desempenho responsáveis por mensurar a performance da equipe no processo de aprendizagem. Bons exemplos de indicadores incluem:
  • Taxa de adesão ao treinamento corporativo;
  • Produtividade ou faturamento per capita;
  • Retorno sobre o investimento (ROI), etc.

Ainda há relatórios que carregam indicadores de desempenho específicos para a equipe capacitada. Em outras palavras, é possível extrair dados relevantes, personalizados e variáveis entre os times.

Ciente do que é um relatório de treinamento, compreenda a sua real importância para a organização, muito além da visualização e análise de resultados.

Relatório de treinamento

Qual é a importância de um relatório de treinamento?

Os treinamentos online ganham cada vez mais força no mercado devido aos impactos positivos agregados dentre produtividade, desempenho e capacitação.

Enquanto isso, as capacitações tradicionais se tornam obsoletas, sendo os treinamentos à distância mais usados como solução de aprendizado para as empresas. Mas como acompanhar o desenvolvimento das equipes e seus resultados remotamente?

A resposta é bastante simples: por meio do relatório de treinamento. E estes relatórios não servem apenas para visualizar e analisar números. Também são comumente usados para:

  • Aprimorar e facilitar a gestão de pessoas que estão trabalhando em regime remoto;
  • Mensurar a satisfação dos talentos em relação à empresa, estando diretamente relacionada ao turnover;
  • Ressaltar os pontos de melhoria da organização, tanto em capacitações quanto na rotina de trabalho;
  • Realizar uma avaliação de treinamento acerca do conhecimento ganho pelo colaborador;
  • Identificar novas lacunas de conhecimento dos talentos e preenchê-las com novos módulos de ensino, e mais.

5 elementos para estruturar um relatório de treinamento eficiente

Agora que você sabe o que é relatório de treinamento e a sua importância, chega o momento de listar cinco componentes importantes para considerar no momento de estruturá-lo. Acompanhe.

1. Objetivos das ações formativas 

  • Critérios que estão relacionados à pedagogia empresarial, como a motivação dos colaboradores;
  • Estratégias de treinamentos e suas oportunidades;
  • Eventuais alterações que podem ser realizadas na cultura organizacional do negócio;
  • Resultados esperados após a conclusão do treinamento corporativo;
  • Questões legais da empresa, por exemplo, normas regulamentadoras.

2. Público-alvo de cada iniciativa de T&D 

  • Perfil individual dos colaboradores participantes da capacitação, como idade, tempo de casa e escolaridade;
  • Treinamentos específicos para o desenvolvimento profissional e pessoal dos talentos;
  • Dados coletados de capacitações anteriores, se houver;
  • Feedbacks compartilhados com os participantes como forma de elogio ou crítica construtiva.

3. Indicadores para avaliar o desempenho 

  • Notas avaliativas, caso provas e exercícios sejam aplicados;
  • Aproveitamento do ensino;
  • Assiduidade individual dos colaboradores em treinamento;
  • Taxa de evasão dos participantes;
  • Tempo médio de capacitação de cada talento;
  • Retorno sobre o investimento;
  • Reação dos colaboradores em treinamentos corporativos, e mais.

4. Resultados coletivos e individuais 

  • Compreender o impacto do treinamento de maneira coletiva e individual na equipe;
  • Gerar relatórios por colaborador quando as capacitações são remotas;
  • Comparar os destaques individuais em relação ao desempenho do time.

5. Oportunidades de melhorias para as próximas formações 

  • A coleta de dados orienta as tomadas de decisões futuras dos gestores e liderança corporativa;
  • Estruturação de rotina de avaliações periódicas aos colaboradores;
  • Investimento na gestão de conhecimento organizacional;
  • Diferentes formatos e abordagens de modelo de aprendizagem;
  • Implementação de Universidades Corporativas na organização.

Para te ajudar em todo o processo, separamos esse material imperdível, clique para conferir:

Baixe aqui a Planilha de Avaliação de treinamentos → os principais indicadores para facilitar sua análise de resultados!

Como fazer um relatório de avaliação de treinamento?

Chegou a hora de colocar em prática a estruturação do relatório de capacitação e treinamento com esse passo a passo promissor a seguir.

Passo #1: realizar uma pesquisa de avaliação de reação

Independentemente se a organização opta por uma pesquisa quantitativa ou qualitativa, é fundamental avaliar os itens abaixo:

  • Didática dos módulos de conhecimento;
  • Qualidade do material e conteúdos compartilhados;
  • Percepção e satisfação dos participantes pelo curso;
  • Recursos audiovisuais utilizados no decorrer do treinamento;
  • Facilidade do uso da plataforma e capacitação escolhida.

Por meio desses itens, torna-se possível visualizar dados estatísticos para elaborar o relatório de treinamento com maior precisão. 

Passo #2: analisar os resultados de indicadores

O segundo passo diz respeito à análise aprofundada dos resultados levantados por meio dos indicadores de desempenho previamente escolhidos. Para se ter uma boa visualização dessas métricas, veja os seguintes exemplos:

  • Evasão: por que os participantes abandonaram o curso? 
  • Aproveitamento: os resultados da empresa mudaram após os treinamentos? 
  • Retorno sobre o investimento: o investimento compensou o retorno?

Passo #3: montar um relatório analítico com prós e

Neste último passo reservamos para considerar os seguintes itens, visto que são essenciais para, de fato, estruturar o relatório de capacitação e treinamento da sua organização:

  • Estruturar o documento baseado nas metas gerais e específicas da sua empresa;
  • Pontuar as partes positivas e negativas dos itens que devem ser avaliados;
  • Contextualizar a capacitação em relação ao planejamento estratégico da companhia;
  • Especificar os dados e informações que são destinadas a acesso exclusivo do departamento de RH, gestores e líderes corporativos;
  • Separar os dados que podem servir de feedback aos colaboradores.

Por fim, chegamos à conclusão de mais um conteúdo. Agora você está preparado para criar um relatório de treinamento, assim como colocá-lo em prática com eficiência.

E se você busca uma solução para capacitar seus colaboradores, entre em contato com a Niduu →  estruturamos módulos de conhecimento personalizados para os talentos da sua empresa, respeitando a necessidade de treinamento das equipes e mensurando a aprendizagem em tempo real.

Gupy e Niduu
Vamos juntos tranformar o RH da sua empresa?

Contrate a pessoa certa, sempre.

Os seus critérios de seleção, aplicados de maneira inteligente e rápida com a Gupy - o software de Recrutamento e Seleção favorito das grandes empresas do Brasil.

Solicitar demonstração →