Como conseguir mais investimento para o setor de RH?

Explicamos em oportunidades anteriores a importância do RH e o seu papel estratégico dentro de uma organização. Investir na gestão de pessoas pode oferecer um grande diferencial competitivo, já que é ela que lida com o capital mais importante de uma empresa. Assim, é necessário que o setor se envolva na formulação das políticas e decisões, além de estar alinhado a suas metas e objetivos. Um RH estratégico gera resultados, mas apenas disposição e proatividade do gestor de pessoas não basta. É preciso que a empresa entenda esse papel e possibilite a realização de um bom trabalho. Atrair investimento para o setor de RH é, portanto, um grande desafio, mais um dos que são encarados na rotina do profissional de recursos humanos.

Sabendo dessa dificuldade, resolvemos ajudá-lo a mostrar a importância do seu trabalho e a conseguir mais investimento para o setor em que atua. Quer saber mais? Continue a leitura!

Tenha à mão indicadores de desempenho

Indicadores de desempenho são os dados que mostram se as atividades e estratégias desenvolvidas pelo setor de Recursos Humanos estão gerando o resultado esperado. É importante que você possua essas informações, pois elas lhe darão argumentos para demonstrar a qualidade de seu trabalho e como ele está ajudando no crescimento da empresa.

Alguns indicadores de desempenho que você não pode abrir mão de monitorar são:

  • índice de rotatividade: esse é um indicador importante que mostra o turnover da empresa. Quanto menor essa taxa, mais indícios de que o RH está sendo efetivo nas contratações e na política de desenvolvimento de pessoal;
  • taxas de absenteísmo: indicam se o trabalho de prevenção ao absenteísmo está gerando resultados;
  • indicadores de recrutamento e seleção: mostram se as contratações estão sendo assertivas.

De posse desses dados, analise-os e seja sincero ao identificar os pontos fortes e fracos da atividade de RH. Os resultados positivos são bons argumentos para adquirir maior investimento para o setor de RH, assim como os negativos podem ser motivos que apontam para a necessidade de crescimento do setor.

Utilize estudos a seu favor

Alguns estudos mostram que investir nos Recursos Humanos são uma boa forma de alavancar o sucesso de uma organização. E o melhor disso é que as empresas estão atentas a esse cenário. O mais recente, Panorama do Treinamento no Brasil, mostrou que cresceu o número de empresas que estão investindo em treinamento e enxergando a importância dessas ações.

Por que não usar estudos desse tipo e muitos outros que você pode encontrar em portais de especializados para mostrar à diretoria a posição estratégica dos Recursos Humanos? Essa é uma forma de se embasar em dados mais próximos da realidade e mostrar as tendências do setor.

Mostre os custos do turnover

Se tem um problema que pode afetar diretamente o caixa da organização é a elevada taxa de turnover. Esse índice mostra a relação entre as saídas e desligamentos e o número de trabalhadores em determinado período. É papel do RH mostrar que esse é um grande problema para organização, que pode gerar gastos com o pagamento de despesas trabalhistas, perda de mão de obra qualificada, novos custos com recrutamento e inúmeras outras dificuldades.

Junto a esses argumentos, mostre também como o trabalho com o desenvolvimento de colaboradores pode ajudar a reduzir a rotatividade, minimizando esses prejuízos. Evidencie, também, que mais investimento para o setor de RH é uma forma de evitar a saída de talentos.

Desenvolva novos projetos

Não fique na mesmice. Apresente que o setor está pensando em soluções para a empresa e está empenhado em trazer resultados efetivos por meio de projetos inovadores. Posicione-se como um conhecedor de pessoas e pergunte-se: como o setor de RH pode contribuir para sanar os problemas da organização? Elaborar novos — e eficientes — projetos é uma boa forma de conseguir o investimento necessário a um bom trabalho.

Evidenciar o papel estratégico dos Recursos Humanos e conseguir mais investimento para o setor de RH pode ser um grande desafio. É importante que nesse momento você esteja munido dos argumentos necessários e acredite no potencial de resultados que um bom trabalho pode ter.

Gostou do artigo e acha que ele pode ser útil para outras pessoas? Compartilhe essas dicas em suas redes sociais! Aproveite também para nos seguir no Facebook e Linkedin, além de assinar nossa newsletter ao lado.

New Call-to-action

Inscreva-se na nossa Newsletter

Ebook: Como escolher as melhores perguntas para entrevistas de Candidatos
Painel de Indicadores de Recrutamento e Seleção Planilha Custo do Recrutamento e Seleção
Mariana Dias | GUPY

Mariana Dias | GUPY

Formada em Administração de Empresas pela USP e com especialização em Empreendedorismo e Inovação, Mariana é CEO & Co-founder da GUPY. Descobriu sua paixão por RH logo no início de sua carreira e foi Business Partner da área para toda a América Latina em uma multinacional do setor de bebidas. É apaixonada desafios e por tudo relacionado a gestão de pessoas e inovação.