Como começar a analisar dados sobre gestão de pessoas no RH?

Pontomais

Por Pontomais


3 minutos de leitura

A gestão de pessoas guiada por dados deixou de ser uma possibilidade para se tornar uma necessidade do RH. Para tornar esse setor ainda mais estratégico, e aperfeiçoar seus processos de gestão, o uso de People Analytics e outras bases de dados é fundamental. 

Como mencionado em nosso artigo sobre a aplicação de People Analytics na gestão de colaboradores, essa metodologia auxilia os profissionais do setor a obter e analisar dados de forma mais assertiva, otimizando seu tempo e dando a visão necessária dos indicadores dos seus colaboradores.

Mas você sabe como iniciar o uso desse sistema em sua empresa? Traremos a resposta para essa e outras dúvidas nesse artigo! Bora conferir? 

O que é análise de dados em Recursos Humanos? 

Boa parte dos processos executados pelo RH da empresa consomem um tempo considerável dos profissionais, o que pode dificultar ainda mais nas tomadas de decisão e no relacionamento com os colaboradores.

Por isso a análise de dados é tão importante. Com esse método, as organizações conseguem ter insights com base nos dados apresentados e tomar decisões mais estratégicas. 

Com o People Analytics, por exemplo, além do viés estratégico, o setor se torna mais humanizado, conseguindo direcionar melhor os gestores e equipes, analisando dados importantes para trazer melhorias para toda a empresa.

Dessa forma, o RH consegue aumentar o engajamento dos times, identificar e solucionar problemas, além de alcançar o foco principal para humanizar o setor: aprimorar o clima organizacional e formar um ambiente acolhedor e inclusivo para a equipe. 

Outro ponto que pode ser desenvolvido com o uso da análise de dados é a retenção de talentos. Deixando os colaboradores mais motivados, o RH consegue trazer mais produtividade ao time, proporcionando uma melhor experiência. 

Com essa ferramenta e a humanização do setor, a inovação levada a empresa garante também o estímulo da criatividade da equipe, uma vez que os colaboradores possuem mais abertura para levar sugestões e aflorar suas ideias.

Nova call to action

Quais os benefícios de um RH humanizado?  

Como citado anteriormente, a utilização do People Analytics dentro do RH torna o setor mais humanizado. A partir desse ponto, o olhar dos profissionais da área torna-se mais focado no desenvolvimento e na satisfação do colaborador. 

Além disso, os benefícios trazidos pela análise de dados são palpáveis, como: 

  • Inovação contínua dos colaboradores;
  • Ambiente acolhedor e melhoria no clima organizacional;
  • Aumento na produtividade e satisfação da equipe;
  • Colaboradores mais engajados; 
  • Aumento na retenção e atração de talentos para a empresa;
  • Redução considerável no Turnover; 
  • Time mais saudável e bem-disposto;
  • Redução nos afastamentos e atestados. 

Com essas vantagens citadas, a mudança que ocorre na empresa agrega não só o RH e gestores, mas principalmente os colaboradores. 

O People Analytics auxilia os profissionais de Recursos Humanos a terem uma comunicação mais aberta e simples com o time, e a tecnologia promove a evolução profissional e social dentro do ambiente de trabalho. 

A abertura entre liderança e funcionários também garante mais transparência e segurança para ambos os lados, o que corrobora para que resultados sejam alcançados mais facilmente.

Aplicando a análise de dados na empresa

Entender o que é a análise de dados é um passo importante para estruturar como essa metodologia será aplicada na empresa. É válido ressaltar que, quanto maior o número de dados a serem analisados, mais complexa é a adesão desse sistema no ambiente corporativo.

Mas não precisa ter medo! Ao usar uma ferramenta como o People Analytics e seguindo determinados passos, a mensuração dos dados se torna muito mais ágil e assertiva. 

Os pontos para implementar a análise de dados na sua empresa são: 

  • Análise descritiva (Descriptive Analytics);
  • Análise Diagnóstica (Diagnostic Analytics);
  • Análise Preditiva (Predictive Analytics);
  • Análise Prescritiva (Prescriptive Analytics).

Além dos tópicos levantados, é preciso encontrar a ferramenta certa para realizar o gerenciamento pessoal na organização e treinar sua equipe. Deixá-los preparados é crucial para uma boa utilização do sistema. 

Conclusão

É possível identificar que o uso da análise de dados no ambiente corporativo garante diversos benefícios, proporcionando a criação de um setor mais humanizado e estratégico.

Com isso, aspectos fundamentais para o desenvolvimento dos colaboradores passam a ser foco do RH, o que torna o clima organizacional mais acolhedor e ameno, ponto este que impacta diretamente nos resultados e desempenho da equipe. 

Por fim, acrescentar esse sistema ao seu RH facilita nos processos de tomada de decisão e na identificação de futuros problemas. 

Gostou do artigo? Compartilhe! 

e-book pontomais sobre indicadores de RH
Vamos juntos tranformar o RH da sua empresa?

Contrate a pessoa certa, sempre.

Os seus critérios de seleção, aplicados de maneira inteligente e rápida com a Gupy - o software de Recrutamento e Seleção favorito das grandes empresas do Brasil.

Solicitar demonstração →