Conheça as 7 empresas com uma cultura organizacional de sucesso!

0 minutos de leitura

Qual é o diferencial de uma empresa para outra?

Provavelmente, você pensou em exemplos de cultura organizacional para responder essa pergunta. Afinal, ela é exclusiva de cada organização, sendo baseada nos objetivos e valores traçados desde o início das suas atividades.

Para entender melhor como a cultura influencia o sucesso da empresa, veja a seguir as empresas selecionadas que são verdadeiros cases na área do RH! 

A importância da cultura organizacional

A cultura está presente em todo o desenvolvimento da empresa, desde sua criação. É importante destacar que ela não pode ser inventada, mas, sim, é um processo natural, que pode ser reforçado pela empresa.

Há diferentes tipos de culturas e formas de desenvolver os principais pontos. Tudo deve ser pensado e direcionado para que se possa fortalecer a cultura organizacional.

Empresas de sucesso, como os unicórnios e as gigantes tecnológicas, têm seu sucesso em muito justificado pela sua cultura organizacional. Listamos os principais exemplos, a seguir:

1. Nubank

A Nubank é considerada o segundo unicórnio brasileiro e, em ranking recente da revista Fast Company, foi apontada como a 3ª empresa mais inovadora da América Latina.

Todo esse sucesso poderia ser creditado a diversas estratégias. No entanto, a co-fundadora da Nubank, Cristina Junqueira, classificou a cultura organizacional como o principal motivo. Ela destacou que a empresa começou primeiro com o desenho da cultura para depois seguir com o projeto.

Por isso, para a empresa e os colaboradores, a cultura é um dos pontos principais. Todos se voltam e guiam sua atuação para e por ela. Entre os principais pontos, estão:

  • não há dress code – nada de terno e gravata, pois o objetivo é deixar os funcionários livres para se expressarem;
  • todas as sextas, há um food truck que estaciona na hora do almoço;
  • há um espaço de relaxamento, com atividades como pebolim;
  • promove-se happy hours e outras celebrações na sede da empresa;
  • há diversidade em todas as áreas.

Além disso, a fintech tem toda uma preocupação com os clientes. Por isso, nada de atendimento completamente informatizado. Lá, eles recebem tratamento humanizado.

2. Google

O Google talvez tenha sido a primeira empresa a transformar a forma de trabalho. Desde o início, o que se ouvia sobre a organização era o seu ambiente descontraído e uma forma de trabalho flexível.

Essa característica é um exemplo de cultura organizacional. Ao invés de basear o trabalho em um modelo fechado, com pouco espaço para a expressão, o modelo Google começou a oferecer benefícios dentro do ambiente de trabalho.

Todas as ações que são apresentadas estão de acordo com a visão e os valores do Google. Por isso, a ganância e a competitividade não são reforçadas- o que se busca é a colaboração entre funcionários.

Um dos maiores diferenciais do Google é sua preocupação com a cultura. Devido à consideração em relação ao tema, a empresa instituiu o cargo de Chief Culture Officer (CCO), sendo uma pessoa apenas para cuidar da cultura organizacional.

3. Rock Content

Outro exemplo de cultura organizacional é a Rock Content. A empresa foi fundada em 2013 e, desde o início, buscou estabelecer sua identidade, o #culturecode. Para eles, o tema é tão importante que deixam claro para os futuros candidatos qual é a forma Rock de ser.

O objetivo da empresa é mudar a forma de se fazer marketing. Para estabelecer a cultura organizacional, a Rock Content contou com os colaboradores. Foi ouvindo o que cada um tinha a dizer sobre a empresa que surgiu o documento.

Entre os pontos de destaque, encontram-se:

  • organização do ambiente de trabalho – nada de mesas bagunçadas nem canecas sem lavar – tudo deve ser mantido em ordem;
  • independência – tentar e falhar é bem-visto e estimulado, pois, para a Rock, essa é a melhor forma de agir;
  • trabalho em equipe – baseado em confiança e transparência.

A empresa ainda considera os parceiros como ponto essencial para o sucesso.

4. Netflix

A Netflix surgiu há algum tempo como uma locadora de vídeos. No entanto, foi a percepção de negócio que permitiu que essa empresa se transformasse em uma gigante do streaming, com grandes produções no catálogo.

Para que todas essas mudanças fossem concretizadas, a cultura organizacional foi um ponto importante. O foco da empresa é nos valores e nas habilidades de cada colaborador.

Para isso, o foco não é em hora relógio trabalhada, mas em produtividade. Quanto determinado colaborador entregou em cada dia trabalhado? Quais foram as contribuições? Essas e outras perguntas compõem o quadro de avaliação da Netflix.

Essas avaliações são constantes e buscam sempre a melhoria do serviço oferecido. Assim, ao mesmo tempo em permite que o funcionário se expresse, a cultura da Netflix promove o crescimento profissional.

5. Apple

A empresa da maçã nasceu da mesma forma que tantas outras: em uma garagem. Com inovação e tecnologia, a Apple se tornou uma das maiores empresas de informática e tecnologia do mundo.

Ela é um exemplo de cultura principalmente pela sua forma de construir a rede de talentos. Para a Apple, o mais importante não é o currículo do candidato, mas, sim, sua personalidade.

O que a marca procura são pessoas que possam fazer a diferença e entregar um trabalho diferenciado. O objetivo é ter uma equipe que consiga encontrar soluções criativas para os problemas encontrados durante o desenvolvimento.

6. Zappos

Uma das empresas de venda de sapatos mais famosa do mundo, a Zappos, é conhecida pelo seu sucesso. Sua venda, centrada na internet, revolucionou o mercado da moda. No entanto, é o exemplo de cultura organizacional que fez com que a Zappos se tornasse grandiosa.

A cultura da empresa começa a ser apresentada já no processo seletivo. A empresa realiza uma detalhada entrevista, que busca estabelecer se o perfil do candidato se encaixa com os valores da empresa.

o plano de carreira é baseado no desenvolvimento profissional. Ações de politicagem não são bem-vistas nem recompensadas pela empresa. Por fim, a Zappos ainda oferece um ambiente de trabalho divertido.

7. Twitter

O Twitter é outro excelente case. Como outras empresas, ele oferece um ambiente descontraído, com foco na produtividade e na motivação dos colaboradores.

A equipe deve relacionar-se bem. Para isso, a empresa promove uma política de bom relacionamento, onde ele não é forçado- deve-se promover ações para que haja um ambiente harmônico.

Por fim, o Twitter impulsiona ações globais para a mudança e transformação da sociedade. Por conta desse posicionamento da empresa, os colaboradores se sentem bem por fazer parte de uma instituição preocupada com o futuro.

Bons exemplos de cultura organizacional são essenciais para se inspirar e ajudar a empresa a crescer. E você, conhece algum outro exemplo? Comente e conte para a gente :)

Banner do ebook "Tutorial do fit cultural: como atrair e reter talentos", com um botão escrito "baixe o e-book"

Inscreva-se na nossa Newsletter

New call-to-action
New call-to-action
Banner do calendário do RH 2020, com um botão escrito "baixe agora"
Stefanie Ferracciu | Gupy

Stefanie Ferracciu | Gupy

Head de Gente e Gestão da Gupy, Stefanie é formada em psicologia pela PUC-RJ e já passou por empresas como L'Oréal, BRMalls e Cyrela. É apaixonada pelo desenvolvimento humano e organizacional e também pela filha Sofia.