Tipos de feedback: conheça 4 e como utilizá-los

Aprenda quais são os quatro tipos de feedback e como saber aplicá-lo pode ser um diferencial positivo entre a relação de um líder e funcionário.

Voitto

Por Voitto


3 minutos de leitura
Duas mulheres em uma mesa trocando feedbacks

De forma sucinta, o feedback impulsiona um maior desempenho dentro de uma empresa. Mas você sabia que existem 4 tipos de feedback e que, se não aplicados da forma correta, podem trazer danos para a empresa?

Mesmo com a diversificação de cursos, alguns até específicos sobre a abordagem de feedbacks, ainda há quem confunda essa ação com uma oportunidade de julgar a outra pessoa e seu trabalho.

Pensando nisso, neste artigo você aprenderá a se posicionar à frente de um feedback, recebendo ou o executando, a partir dos seguintes tópicos:

  • o que é um feedback?
  • Quais são os tipos de feedback?
  • Como realizar um feedback?
  • Como fazer do feedback uma ferramenta de sucesso?

O que é um feedback?

O feedback, traduzindo-o do inglês, significa "dar retorno" ou "reação sobre algum acontecimento", e consiste em uma ferramenta de comunicação muito utilizada por empresas de diversos portes.

Geralmente, o feedback é feito entre duas pessoas e é em conversas one-to-one. Dentro dessa prática é fundamental determinar pontos nos quais o colaborador e a empresa podem aprimorar, mas também é essencial mostrar pontos fortes e de domínio.

A prática do feedback pode alavancar os resultados de uma equipe, se utilizado da maneira correta. Por isso, no próximo tópico iremos conversar sobre os quatro tipos de feedback.

Nova call to action

Quais são os tipos de feedback?

A partir de agora, você entenderá os quatro diferentes tipos de feedback e como aplicá-los da melhor em sua equipe. Pois, quando feitos de forma humanizada e com profissionalismo, tornam-se sinônimo de bons resultados e melhorias.

Os quatros tipos de feedbacks que abordados são: positivo, construtivo, negativo e ofensivo. Conheça cada um deles e suas utilidades a seguir.

1. Feedback positivo

O feedback positivo é muito utilizado pelas empresas para pautar ações que, de alguma forma, foram positivas para a equipe. Dentro desse tipo de feedback, o profissional fornece retorno para que as ações positivas continuem sendo feitas.

O reconhecimento por ações positivas é uma das melhores maneiras para motivar o liderado e, também, líderes.

Por isso, não esqueça de sempre valorizar bons resultados e cumprimento de demandas e metas, pois a falta desse feedback pode gerar desmotivação e falta de interesse nas tarefas diárias.

2. Feedback construtivo

O feedback construtivo se assemelha com o positivo, mas se diferencia pois, nesse tipo de feedback, o profissional expõe os pontos positivos e os próximos passos para aumentar a eficiente e melhorar os resultados.

Dentro dessa modalidade, o feedback retrata um impulsionamento de carreira no liderado, pois demonstra a valorização em suas demandas e também possibilidade de crescimento.

3. Feedback negativo

Esse tipo de feedback é super delicado, mas sabendo aplicá-lo é possível visualizar novas perspectivas. O feedback negativo é utilizado quando a pessoa atinge baixos níveis de desempenho ou atitudes comportamentais inadequadas.

As novas perspectivas de possível melhoria no desempenho podem otimizar o trabalho do profissional e correção das ações negativas. É válido pensar que é necessário aplicar esse tipo de feedback com muita empatia, pontualidade e profissionalismo.

4. Feedback ofensivo

O feedback ofensivo é o mais cauteloso de todos, pois pode provocar reações inesperadas, inadequadas e convertê-las em um clima de trabalho não tão bom e saudável, gerando um temperamento melancólico no colaborador, isso se dá porque é pontuado desqualificações.

Nesse tipo de feedback é preciso ter cautela, pois dar feedback não se assemelha a ofender ou desvalorizar alguém. No final das contas, é sempre válido auxiliar na procura por soluções e melhorias constantes.

Como realizar um feedback?

Se você está lendo este artigo e em breve estará aplicando feedbacks, iremos te mostrar como tudo pode se tornar mais fácil de ser executado e ainda facilitar na busca por resultados, veja só!

Prepare o ambiente

Antes de qualquer coisa, organizar o ambiente em que o feedback será realizado é muito importante, pois assim a conversa não terá interrupções e o funcionário se sentirá acolhido mediante a essa preparação. Se for on-line, garanta boa conexão e que não hajam distrações durante a conversa.

Seja prático

Seja direto ao passar o feedback para o colaborador, pois essa pontualidade ao tratar de pontos positivos e pontos de melhoria ocasiona clareza de como continuar ou melhorar algum procedimento, visando também a clareza no relacionamento interpessoal do colaborador.

Se atente na abordagem

A abordagem em um feedback é muito importante, pois o feedback de impacto é ocasionado pela forma como é abordado e falado. Sempre que apontado algum ponto de melhoria, é importante valorizar e ressaltar ainda mais os pontos positivos de ações e atitudes.

O feedback é ferramenta essencial para alavancar os resultados, pois faz com que o colaborador impulsione seu plano de carreira, além de impulsionar a empresa, ou seja, crescem juntos.

Gostou deste artigo? Então confira o material a seguir e continue seu aprendizado sobre o tema.

Nova call to action
Vamos juntos tranformar o RH da sua empresa?

Contrate a pessoa certa, sempre.

Os seus critérios de seleção, aplicados de maneira inteligente e rápida com a Gupy - o software de Recrutamento e Seleção favorito das grandes empresas do Brasil.

Solicitar demonstração →