Afinal, o que diferencia um chefe de um líder? Entenda!


4 minutos de leitura

Ao longo dos anos, o sistema de gerenciamento de pessoas nas empresas vem mudando de maneira positiva. Isso porque antigamente só existia uma pessoa que era responsável por coordenar as áreas e passar as ordenadas, mas hoje o chefe e líder podem trabalhar de forma conjunta em prol da organização e engajamento da equipe.

No entanto, muitos acreditam que chefiar e liderar são sinônimos e, por isso, acabam não sabendo a real diferença e importância dessas duas áreas, pois ambas expressam posição de poder. Mas, saiba que existem grandes diferenças de chefe e líder, principalmente no modo de como a pessoa executa seu poder perante o grupo.

É disso que falaremos neste artigo que preparamos para você, pois traçamos um perfil com as características de cada um e como se diferenciam, além de como desenvolver líderes atuantes dentro da empresa. Acompanhe!

Quais são as características e atribuições de um chefe?

Antigamente, os chefes eram os únicos superiores que dominavam as áreas pela autoridade. Mas, atualmente as suas características não mudaram muito, pois ele ainda pode ser centralizador e ter o poder da autonomia para comandar e mandar, fazendo com que a equipe apenas obedeça às suas ordens.

Com isso, o clima organizacional tende a ser mais carregado e com excessivas pressões, pois o foco do chefe se mantém apenas no progresso dos processos e não no desenvolvimento das pessoas.

Assim, entre as principais características e atribuições de um chefe, podemos citar:

  • centraliza as principais responsabilidades e informações dos projetos;
  • dispensa opiniões contrárias as suas;
  • utiliza a autonomia do seu cargo para coordenar;
  • tende a não ouvir os funcionários;
  • realiza cobranças excessivas;
  • dispensa a necessidade de incentivar os colaboradores.

Quais são os atributos de um líder?

O cargo de líder tem dominado mais o mercado, com sua capacidade de engajar a equipe pelo seu exemplo. Em vista disso, ele é quem possibilita desenvolver habilidades e inspira a confiança ao liderar um grupo, fazendo com que o convívio seja de respeito, sem colocar em sua liderança a autoridade.

Assim, mesmo que as opiniões sejam contrárias à dele, o líder está sempre aberto ao diálogo, criando um bom ambiente organizacional entre os funcionários, além de ajudá-los a aperfeiçoar suas habilidades e superar obstáculos, fazendo dessa interação um fator de crescimento para a empresa.

Com isso, entre as principais características de um líder estão:

  • proporcionar feedbacks sempre que necessário;
  • respeitar as particularidades do grupo;
  • reconhecer o trabalho dos colaboradores nos resultados;
  • admitir seus erros e saber ouvir;
  • aceitar diálogos e opiniões;
  • engajar e motivar a equipe pelo exemplo.

Nova call to action

Qual a diferença de chefe e líder?

Após conhecer as principais características de chefe e líder, torna mais fácil entender o perfil de um consiste na autoridade e o outro na comunicação dentro de uma empresa. Mas, para deixar claro e evitar que ambas as posições sejam confundidas, veja a seguir a diferença entre eles.

O chefe é o responsável por coordenar um departamento, grupo ou organização, procurando solucionar problemas e tendo como seu poder para tomadas de decisões. Para delegar tarefas e repassar responsabilidades, muitas vezes, acaba se sobrecarregando por assumir as mais importantes para si, pois são centralizadores e controladores.

O líder, por sua vez, também está à frente de uma organização, mas para que os resultados sejam atingidos da melhor maneira, as suas ações tendem a influenciar o comportamento da equipe, colocando seus liderados na posição de caminhar junto dele. Para isso, o líder procura ouvir seus colaboradores, oferecendo senso de confiança e maior autonomia para que tanto eles quanto a empresa cresçam.

Qual a importância de desenvolver lideranças dentro da empresa?

Para acompanhar as exigências e as constantes mudanças no mercado é preciso desenvolver ações de liderança dentro da empresa, em vez de manter um funcionário que se sinta chefe dos demais. Com isso, haverá uma boa relação do líder com a equipe, sendo essa a principal importância de aderir ao processo de liderança.

Isso porque por meio do líder é possível motivar os colaboradores e fazer com que eles realizem suas atividades com qualidade e de maneira produtiva. Além disso, esse profissional é capaz de reter os funcionários na organização, visto que consegue solucionar de maneira diplomática os mais diversos conflitos.

Consequentemente, isso traz impactos positivos para a empresa, que tem como resultado a oferta de serviços e melhores produtos para seus consumidores, gerando um maior lucro e retornos dos seus investimentos.

O que é preciso para colocá-la em prática?

Para colocá-la em prática e desenvolver a liderança com sucesso na empresa é preciso saber como utilizar esses benefícios e trazer para o ambiente profissional. Diante disso, veja a seguir algumas dicas que podem ajudar a desenvolver esse processo.

Reconheça as habilidades de liderança dos funcionários

Uma das formas de desenvolver a liderança é saber reconhecer as limitações e competências dos colaboradores. Desse modo, é preciso que o líder direcione da melhor maneira possível às tarefas delegadas para cada um da equipe, a fim de proporcionar excelentes resultados para a organização.

Otimize as técnicas de comunicação

A comunicação interna dentro de uma empresa é essencial para trazer resultados. Todavia, é necessário otimizar técnicas entre a liderança e sua equipe para resolver problemas e engajá-los com o intuito de evitar possíveis conflitos. Assim, o líder precisa ser um exemplo de comunicação, com ética e transparência, tornando-se alguém admirável e acessível pelos funcionários.

Desenvolva formas de incentivas e motivar o aprendizado da equipe

Outra questão bastante importante é a maneira de motivas e incentivar a equipe. O líder deve saber utilizar as ferramentas em sua disposição para proporcionar a motivação no ambiente de trabalho, conhecendo as habilidades de sua equipe e juntos melhorá-las. Os colaboradores que recebem constantes capacitações e são reconhecidos por seus desempenhos se sentem motivados pelos seus superiores.

Como visto, há diferenças significativas entre chefe e líder, e entender a importância de ter lideranças atuantes dentro da empresa é algo essencial para o seu desenvolvimento. No entanto, para manter o aperfeiçoamento e renovação contínuo de lideres é necessário que o RH adote boas estratégias e programas de gestão de lideranças. Assim, é possível manter a equipe sempre engajada em prol da organização.

Este artigo foi interessante para você? Que tal receber informações importantes como essa? Então, assine a nossa newsletter e tenha acesso às mais diversas novidades de conteúdos.

Nova call to action
Vamos juntos tranformar o RH da sua empresa?

Contrate a pessoa certa, sempre.

Os seus critérios de seleção, aplicados de maneira inteligente e rápida com a Gupy - o software de Recrutamento e Seleção favorito das grandes empresas do Brasil.

Solicitar demonstração →