7 métricas e indicadores de RH para olhar no fim do ano


3 minutos de leitura

O último trimestre do ano chegou e com ele a fase de balanço nas empresas. Na prática, é hora de você e a sua equipe reservarem um tempo na agenda abarrotada, típica do período, para analisar as métricas da área de Recursos Humanos

É aí que surge a dúvida: entre tantos indicadores, quais deles vocês definitivamente devem analisar? Quais são realmente estratégicos para a área e ajudarão a ditar os rumos do próximo ano? Abaixo, você confere as 7 métricas e indicadores de RH que devem estar sob a lupa da sua equipe!

1. Tempo de fechamento da posição (ou SLA)

Colocar as pessoas certas nos lugares certos é a principal entrega de um time de recrutamento e seleção. Você sabe: qualquer atraso nesse processo impacta tanto a empresa quanto os candidatos. 

Analisar o tempo de fechamento da posição é um modo de avaliar a performance da equipe de RH no ano. O cálculo consiste na média de dias necessários para o preenchimento das vagas.

2. Headcount

Headcount, ou “contagem de cabeças”, é a métrica que mostra quantos funcionários compõem o quadro da empresa. Esse número pode ser subcategorizado por setores, áreas e times, e tem como objetivo mostrar o progresso da quantidade de colaboradores de uma empresa.

Por ser uma métrica simples, é necessário utilizá-la de forma estratégia. Então, para tirar mais informações dessa métrica, separe-a pôr setores em um período de análise mensal. Assim, você entenderá o crescimento de forma mais segmentada, podendo entender quais cargos são mais contratados e em qual período do ano. E, assim, montar um planejamento de contratações mais seguro e preciso.

3. Turnover

Garantir que os profissionais permaneçam na empresa é umas das prioridades de qualquer negócio, especialmente da equipe de RH.

Pudera! A alta rotatividade de funcionários significa mais custos com novos processos seletivos e prejudica o andamento dos projetos das organizações. Também indica que a empresa está perdendo capital intelectual. Já imaginou o impacto da fuga de talentos para a sua empresa?

O turnover é calculado de acordo com a fórmula:

Turnover = (admissão + demissão/2) /nº total de funcionários ativos

A entrevista demissional é uma das melhores formas de avaliar as razões da saída maciça dos colaboradores e mudar os rumos no próximo ano.

4. Custo de contratação

Acompanhar de perto as métricas e indicadores de contratação auxiliam a área de R&S a entender melhor se os esforços em recrutamento estão valendo a pena. Essa métrica engloba todos os custos, desde ferramentas de R&S até anúncios feitos, dividido pelas vagas preenchidas.

Um time com as ferramentas erradas e processos desajustados podem dedicar muito tempo para algo que traz resultados pouco satisfatórios. Por isso, olhe bem para suas métricas de contratação!

5. Taxa de promoções internas x externas

O comparativo entre os profissionais que foram promovidos e as contratações feitas para compor funções de liderança indica a eficiência do recrutamento interno. 

Ele traduz o quanto a área de Recursos Humanos está desenvolvendo os colaboradores, o que é essencial para retê-los e para o crescimento da área de treinamento e desenvolvimento.

6. Índice de retenção de talentos

Importante para o último trimestre para entendermos a eficiência das estratégias de employee experience, mas igualmente relevante para o resto do ano, o índice de retenção de talentos mostra a eficiência do RH após a contratação.

Para encontrar esse índice, você precisa apenas dividir o número de desligamentos pelo total de funcionário e, ao fim, multiplicar por 100. Pronto! Agora você tem seu índice de retenção (que pode ser acompanhado mensalmente) que ajudará a medir os resultados de estratégias de experiência e satisfação dos colaboradores.

7. NPS

O indicador mede o nível de satisfação e a lealdade dos funcionários com a empresa, e classifica os colaboradores em detratores, neutros ou promotores. Bastante fácil de aplicar, a metodologia é baseada em duas perguntas. 

  1. De 0 a 10, o quanto você recomenda [nome da empresa, do produto ou serviço] para um amigo?  
  2. Por que você deu esta nota?

Quer saber mais sobre o indicador? Confira o artigo NPS: saiba o que é, como calcular e usar no RH da sua empresa.

Neste artigo, você conferiu os indicadores que toda equipe de recursos humanos deveria analisar neste fim do ano. 

Para finalizar, baixe gratuitamente logo abaixo nosso template personalizável para apresentação de indicadores de RH e mostre os resultados e eficiência do setor para toda a empresa!

Template - Apresentação de indicadores de RH
Vamos juntos tranformar o RH da sua empresa?

Contrate a pessoa certa, sempre.

Os seus critérios de seleção, aplicados de maneira inteligente e rápida com a Gupy - o software de Recrutamento e Seleção favorito das grandes empresas do Brasil.

Solicitar demonstração →