12 tendências de RH para 2022: confira e prepare-se!


10 minutos de leitura

Entra ano, sai ano, as novidades para o setor de Recursos Humanos renovam-se a cada momento.

No entanto, os desafios continuam os mesmos. Atrair, recrutar e reter os profissionais mais talentosos do mercado está cada vez mais complicado. Por isso, trouxemos algumas tendências no RH em 2022 para ajudar a sua empresa a vencer a concorrência.

Afinal, organizações antenadas no que há de mais moderno não poupam esforços – nem investimentos – para construir equipes cada vez mais eficientes. Portanto, você vai encontrar por aqui:

  1. avanços no uso da IA no recrutamento e na seleção;
  2. People Analytics;
  3. experiência do candidato;
  4. ferramentas de feedback avançadas;
  5. investimento na formação de líderes;
  6. gamificação;
  7. RH mobile;
  8. home office;
  9. employee Experience
  10. treinamento online
  11. feedbacks
  12. diversidade.

Veja, a seguir, o que cada um desses tópicos representa! Vamos lá?

Webinar - Tendências do mundo pós-pandemia

1. Avanços no uso da I.A no recrutamento e seleção

Já faz um tempo que a inteligência artificial é amplamente utilizada nos processos de recrutamento e seleção, mas os avanços tecnológicos fazem dela uma das tendências RH em 2022.

Nesse sentido, a grande promessa para o próximo ano são ferramentas ATS, do inglês Applicant Tracking System, traduzido como Sistema de Rastreamento de Candidatos.

Esses sistemas conseguem transformar a divulgação de vagas, atração de talentos e triagem dos currículos em um processo muito mais ágil do que é atualmente.

2. People Analytics

A palavra analytics também já é conhecida pelos gestores e promete ser cada vez mais e melhor utilizada.

Hoje em dia, há sistemas especializados em coletar, processar e integrar um grande volume de dados que colaboram para que as empresas entendam melhor seus colaboradores. Eles são utilizados com diversos objetivos, como:

  • avaliar o desempenho dos colaboradores;
  • entender melhor o perfil dos contratados;
  • estabelecer padrões de comportamento;
  • planejar ações direcionadas às características do capital humano.

Embora essas ferramentas já estejam disponíveis, a tendência é que sejam aperfeiçoadas. Isso significa que empresas que não contarem com o apoio do People Analytics podem ser engolidas pela concorrência. 

Quer saber mais sobre essa tendência? Então aproveite agora nosso curso grátis de People Analytics:

Nova call to action

3. Experiência do candidato

As novas gerações que invadem o mercado de trabalho não estão de olho apenas em remuneração e estabilidade. Hoje, as pessoas buscam uma ocupação que vá de encontro a seus princípios e estilo de vida.

Por isso, mais que oferecer uma oportunidade de trabalho, as empresas devem conceder uma boa experiência ao profissional, que tem início quando ele ainda é só um candidato.

Prova disso é que essa tendência está intimamente ligada às novidades abordadas nos tópicos anteriores. Uma vez que os talentos podem ser selecionados com mais eficácia, o candidato também consegue enxergar uma chance real de conquistar a vaga, realizando o processo seletivo com mais motivação.

Caso aprovado, inicia seu contrato muito mais engajado que os candidatos selecionados em um recrutamento tradicional. Resultado: a organização ganha em produtividade e otimização do tempo, que seria gasto com a integração desse colaborador.

4. Ferramentas de feedback avançadas

Outra tendência para 2022 é que as empresas componham estratégias cada vez mais eficientes para melhorar o envolvimento dos colaboradores com a organização.

Com isso, plataformas de pesquisas e metodologias diferenciadas de feedback serão cada vez mais presentes em meio ao planejamento dos gestores de Recursos Humanos.

As pesquisas deixam de ser simples questionários para assumirem um importante papel no desenvolvimento de pessoas: contribuir para que contratante e contratados estejam realmente conectados em prol de objetivos em comum, buscando a lucratividade por meio da comunicação e do engajamento.

5. Investimento na formação de líderes

Compor uma equipe de alta performance é um desafio atual que não vai deixar de existir na próxima década. E o papel dos líderes é fundamental para que o capital humano alcance esse patamar, principalmente em um cenário complicado e competitivo como o atual.

O problema é que as incertezas do mercado não acometem apenas os empreendedores. Os líderes, os quais deveriam manter o engajamento no trabalho, também podem ter dificuldades em reconhecer a sua capacidade em liderar equipes e transformar os resultados da organização.

É preciso, então, pensar na formação desses profissionais. E estamos falando de ir além da capacitação: apostar em estratégias inovadoras para aprimorar as habilidades desses profissionais.

O destaque fica por conta da liderança complementar, um modelo que aposta na parceria entre dois ou mais líderes para que possam atuar de maneira integrada na gestão de equipes, potencializando a qualidade dos projetos criados e a resolução de problemas.

6. Gamificação

A gamificação é mais uma das tendências no RH em 2022 que já são aplicadas, mas que devem ser aprimoradas.

Hoje, ela é amplamente utilizada em campanhas de endomarketing e para o treinamento de equipes, já que é um recurso bastante atraente por ativar conexões cerebrais, facilitando a retenção das informações por meio dos mecanismos de prazer e recompensa.  

Os resultados de uma equipe submetida a um treinamento baseado nas técnicas de gamificação costumam ser surpreendentes. Por isso, as empresas devem levar a metodologia para outros campos, sendo um deles o recrutamento e a seleção externa e interna.

7. RH mobile

Vivemos a era dos smartphones: telas cada vez menores e mais portáteis têm toda nossa atenção nas ações mais corriqueiras do cotidiano.

Seja no metrô, seja esperando o almoço ou na sala de espera de uma consulta médica, os recursos tecnológicos dos novos celulares estão nos fazendo companhia. Eles serão uma realidade cada vez mais presente para trazer dinamismo às atividades do setor de recursos humanos.

Recrutamento por meio de aplicativos e os formatos de trabalho atípico – como o home office e os espaços de co-working – são cada vez mais desejados por uma geração de profissionais talentosos que cresceram junto à evolução tecnológica.

E nesse cenário, o expediente tradicional no escritório pode perder espaço. Empresas que reconhecerem os cargos que podem ter suas rotinas tranquilamente flexibilizadas, e aplicarem esse conceito, vão garantir a formação dos melhores times do mercado. Fique de olho!

8. Home office

Em segmentos do mercado ligados à tecnologia e inovação, o formato home office já é uma realidade há pelo menos uma década e meia. Mas, se a pandemia de Covid-19 nos ensinou alguma coisa — em termos de relações trabalhistas — é que esse modelo é o futuro do mercado de trabalho.

Para "driblar" as medidas do isolamento social, que impediam o trabalho presencial, organizações de todos os portes e segmentos tiveram que se adaptar e inovar, aderindo ao home office. Até mesmo empreendedores mais tradicionais tiveram que "se render" à transformação digital, pois, caso contrário, os impactos na saúde econômica do negócio poderiam ser ainda mais catastróficos.

Porém, cenários delicados costumam impulsionar mudanças positivas e é neste ponto que o home office ganhou forças. Um formato de trabalho que abre um leque infinito de possibilidades tanto para os empregadores quanto para os profissionais. Além de eliminar as barreiras geográficas, o home office favorece a produtividade, o índice de satisfação, diminui o turnover e gera resultados positivos para o negócio.

Sem dúvida, o home office está entre as principais tendências de RH para 2022. E a melhor parte é que, para a organização usufruir deste inovador modelo de trabalho, só precisa proporcionar as ferramentas adequadas aos seus colaboradores.

Banner e-book "O futuro é híbrido: como encontrar o equilíbrio neste modelo de trabalho"

9. Employee Experience

As empresas modernas entenderam que não basta investir em estratégias para melhorar a experiência do consumidor. É preciso também trabalhar em uma cultura organizacional agradável, produtiva e receptiva o suficiente para que os talentos do negócio não migrem para a concorrência.

Se em 2020 e 2021 o formato de trabalho home office ganhou popularidade, a tendência é que em 2022 os departamentos de Recursos Humanos inovem ainda mais e invistam no Employee Experience (EX). Afinal, novas relações trabalhistas exigem novas estratégias e metodologias de trabalho.

Em termos simples, Employee Experience é um posicionamento no qual o RH foca esforços e ações para melhorar a experiência do funcionário dentro da empresa. Diferente da experiência do candidata (anteriormente citada), sua finalidade é promover melhorias no cotidiano de quem já está inserido na cultura organizacional, proporcionando bem-estar e realização profissional, o que gera impactos diretos em sua produtividade.

Por experiência do colaborador, subentende-se uma série de conceitos, tais como:

  • uma política de trabalho flexível;
  • os ambientes da empresa — físico, tecnológico e cultural;
  • um escritório cheio de atrativos;
  • o engajamento do funcionário;
  • um pacote de benefícios cheio de opções atraentes.

Para identificar, além destes conceitos, quais pontos estratégicos o Employee Experience deve trabalhar para manter os profissionais no time da organização, o RH deve analisar e rastrear como pensam e sentem os colaboradores durante cada etapa de contato de sua jornada pela empresa. Suas interações com a liderança, seus anseios e cada feedback expresso são válidos para obter essas informações.

10. Treinamento online

Foi em 2020 — durante o período mais intenso de isolamento social devido à pandemia de Covid-19 — que o treinamento online deixou de ser um conceito desconhecido (para muitos empreendedores) e passou a ser mais uma metodologia integrada à cultura organizacional das empresas atuais.

Hoje, os treinamentos online estão entre as principais tendências de RH para 2022, e isso não se deve mais apenas à necessidade de distanciamento social, mas sim porque é uma excelente alternativa para o RH potencializar as habilidades do time de colaboradores.

Esse modelo de treinamento alia praticidade e eficiência em uma única aplicação, garantindo os mesmos níveis de resultados que os tradicionais treinamentos presenciais. Sua flexibilidade permite que os profissionais assistam às aulas sem que precisem se deslocar de suas casas até um ponto específico.

Além disso, se as vídeoaulas puderem ser gravadas e disponibilizadas em uma plataforma de treinamentos virtuais, os colaboradores podem assisti-las em qualquer horário, o que é muito conveniente para ambas as partes interessadas (empregador e empregado).

Quando a equipe de Recursos Humanos investe em treinamentos e cursos online — a fim de garantir a capacitação de seu quadro de talentos —, a empresa economiza recursos financeiros, já que esse formato exige muito menos em infraestrutura e, ainda, tem a sua imagem melhorada diante de mercado de trabalho, atraindo profissionais com mentalidade inovadora.

11. Feedbacks

A estratégia de Employee Experience abrange uma grande variedade de ações que devem ser realizadas para que o colaborador se sinta acolhido pela empresa. Saber que ele tem voz ativa para se expressar faz parte de uma experiência positiva. Dito isso, uma das tendências de RH para 2022 são os feedbacks trocados entre as equipes.

Os feedbacks são ferramentas muito importante na construção da sintonia entre a empresa e o empregado. Eles são úteis para que o RH faça levantamento de pontos que necessitem de melhoria, resolva conflitos internos, trace objetivos, melhore os planos de carreira e benefícios oferecidos, entre muitos outros benefícios.

Para isso, é fundamental que os líderes sejam devidamente treinados para atuarem da forma correta na hora de trocar feedbacks com seus liderados. Os pontos positivos e negativos devem ser levantados sempre de maneira profissional e respeitosa, com a finalidade de fazer o colaborador evoluir, e não subjulgá-lo.

12. Diversidade

A diversidade é uma das pautas mais discutidas na sociedade contemporânea e, felizmente, agora ela também chegou ao universo corporativo. Com a crescente preocupação das organizações em promover ambientes de trabalho mais diversificados nos quais haja espaço e igualdade para pessoas de diferentes culturas, ideias, etnias, vivências, condições físicas, gêneros e idades.

Em suma, a diversidade nas empresas consiste em abrir as portas para pessoas de forma igualitária, derrubando os velhos estereótipos de contratação que beneficiaram grupos específicos de indivíduos na sociedade por muito tempo. A sua premissa é transformar o mundo em um lugar melhor para todos, seja dentro ou fora das empresas.

Aspectos como a transformação digital, a democratização do acesso à informação e a evolução do pensamento humano estão entre os principais fatores que têm fomentado esse tipo de mudança não apenas no mercado de trabalho, mas na sociedade como um todo.

Empresas diversificadas têm sido mais bem vistas, pois abrem portas para muitas possibilidades de solução de problemas e condutas nos processos cotidianos. O consumidor também se sente mais representado ao se identificar com as políticas internas e valores da marca. E é por isso que a diversidade é uma das tendências de RH para 2022.

Como você viu, são muitas ferramentas para facilitar a rotina do departamento pessoal na próxima década, e, felizmente, as tendências no RH em 2022 já vêm sendo desenhadas há algum tempo.

Observe quais são os processos utilizados pela sua empresa que já se aproximam da nova realidade do mercado e invista em recursos que possam aprimorar a rotina. O importante é não ficar para trás! 

Gostou do artigo? Então você provavelmente vai gostar do nosso material 6 pesquisas sobre o futuro do Recrutamento e Seleção nas empresas, com pesquisas de grandes consultorias. Baixe agora!

Calendário do RH 2022
Vamos juntos tranformar o RH da sua empresa?

Contrate a pessoa certa, sempre.

Os seus critérios de seleção, aplicados de maneira inteligente e rápida com a Gupy - o software de Recrutamento e Seleção favorito das grandes empresas do Brasil.

Solicitar demonstração →